Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

CORONEL DE COMUNICAÇÕES ANDRÉ LUIZ DOS SANTOS FRANCO

  • ADIDO DO EXÉRCITO

     

    adido

     

     

    CORONEL DE COMUNICAÇÕES

    ANDRÉ LUIZ DOS SANTOS FRANCO

     

    Ao ser nomeado para o cargo de Adido do Exército junto à Representação Diplomática do Brasil na República Italiana, com sede em Roma, o Coronel Santos Franco desempenhava o cargo de assessor no Centro de Doutrina do Exército (Brasília-DF), onde chefiava a Carteira de Comando e Controle.

    É natural da cidade de Nova Iguaçu, no estado do Rio de Janeiro e ingressou nas fileiras do Exército em 16 de fevereiro de 1987, na Escola Preparatória de Cadetes do Exército (Campinas-SP). Foi declarado aspirante-a-oficial da arma de Comunicações em 4 de dezembro de 1993, tendo sido promovido ao posto atual em 30 de abril de 2017.

    Iniciou sua carreira de oficial na extinta 1º Companhia de Comunicações Blindada (Rio de Janeiro-RJ), de onde partiu para realizar os Cursos de Manutenção de Material Bélico, na então Escola de Material Bélico (Rio de Janeiro-RJ) e Básico de Guerra Eletrônica, no então Centro Integrado de Guerra Eletrônica (Brasília-DF).

    Serviu também nos então 1º Batalhão de Comunicações Divisionário (Santo Ângelo-RS), Centro Integrado de Guerra Eletrônica (Brasília-DF), 1ª Companhia de Guerra Eletrônica (Brasília-DF), foi Comandante da 5ª Companhia de Comunicações Blindada (Curitiba-PR), Oficial de Estado-Maior da 9ª Região Militar e do 9º Grupamento Logístico, ambos em Campo Grande-MS, e Comandante do 1º Batalhão de Comunicações (Santo Ângelo-RS).

    Em 2013, realizou o Curso de Direção de Estratégia Militar no Estado-Maior das Forças Armadas Argentinas, em Buenos Aires.

    Além dos cursos de Formação, Aperfeiçoamento e Altos Estudos Militares, o Coronel Santos Franco realizou os seguintes cursos e estágios militares: Básico do Combatente de Montanha, Planejamento de Guerra Eletrônica em Apoio às Operações e Comandante de Organização Militar Blindada.

    É doutor em Ciências Militares pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército, tendo ainda realizado os seguintes cursos:

    - Mestrado em Operações Militares (Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais);

    - Mestrado em História Política (Universidade Federal do Paraná);

    - Pós-graduação em História e Geografia (Universidade Regional Integrada);

    - Pós-graduação Metodologia do Ensino Superior (Universidade Federal Rural RJ);

    - MBA em Estratégia (Instituto Universitário Aeronáutico da Argentina); e

    - Bacharelado e Licenciatura Plena em História (Universidade do Estado do RJ).

    Ainda na área acadêmica, o Coronel Santos Franco sagrou-se vencedor de 2 (dois) Prêmios Culturais Tasso Fragoso, conferidos pela Biblioteca do Exército (Rio de Janeiro-RJ), nos anos de 2004, com a obra “A presença militar no noroeste gaúcho: uma análise historiográfica da formação social militarizada da região missioneira do Rio Grande do Sul (1754-1929)” e 2010, com o trabalho intitulado “O sibilar das metralhas de outubro: o movimento armado de 1930 no sul do Brasil”.

    Entre as condecorações com que foi agraciado, destacam-se:

    - os Distintivos de Comando Dourado e Prateado;

    - a Medalhas Militares de Ouro, Prata e Bronze;

    - a Medalha Ordem do Mérito Militar;

    - a Medalha Mérito Tamandaré;

    - a Medalha do Pacificador;

    - a Medalha da Vitória;

    - a Medalha Jubileu de Ouro da Vitória na II Guerra Mundial;

    - a Medalha Corpo de Tropa Bronze;

    - a Medalha Esplendor dos Heróis da Paz;

    - a Medalha Marechal Rondon; e

    - a Medalha Estrela de Reconhecimento da Brigada Militar do Rio Grande do Sul.

     

    O Coronel SANTOS FRANCO é habilitado nos idiomas Italiano, Inglês e Espanhol.

     

     

Fim do conteúdo da página